Podologia Masculina: os pés dos homens precisam de cuidados especiais

O cuidado com os pés é fundamental para mulheres e homens e isso não é apenas uma questão de vaidade, mas, sobretudo, de higiene e saúde. Geralmente negligenciados, os pés são a parte do corpo responsável por carregar todo o nosso peso e, por isso, necessitam de uma atenção especial.

A maior parte das glândulas sudoríparas presentes no corpo humano se encontra nas mãos e nas plantas dos pés. Por isso, eles suam bem mais do que qualquer outra parte do corpo, chegando a transpirar até quatro vezes mais que as axilas. Nos homens, essa transpiração é maior. Ficando, muitas vezes, com os pés abafados por horas dentro de calçados, a umidade se torna ainda mais excessiva, deixando-os propensos a uma série de bactérias, fungos, micoses, frieiras, mau cheiro e até infecções.

Os homens que praticam esportes podem sofrer ainda mais com esses problemas, estando suscetíveis ainda à lesões, devido ao impacto no chão, à fricção contra os tênis que não estão bem ajustados, os germes e fungos nos vestiários e muitos outros fatores que podem resultar em doenças nos pés.

Confira uma lista de 10 dicas para evitar todos esses problemas e manter sempre os pés saudáveis, bonitos, limpos e livres de mau odor:

  1. A escolha dos calçados é um tópico importante. Dê preferência a sapatos que permitam a entrada e circulação de ar, para facilitar a evaporação do suor e dificultar a proliferação de microorganismos e, consequentemente, o mau cheiro. Os sapatos apertados também devem ser evitados, pois podem exercer pressão sobre a pele e as unhas e, desta forma, contribuir para o aparecimento de unhas encravadas. Na Fígaro Social Club, aqueles que sofrem com as dores do problema encontram um tratamento que foca na desobstrução, na retirada da espícula, na limpeza do local e no curativo até a cicatrização;
  2. O uso de desodorantes e antitranspirantes para os pés também é indicado para minimizar a umidade e combater o mau odor. Eles possuem substâncias antissépticas e ajudam na eliminação das bactérias;
  3. Deixe os sapatos ventilando por ao menos 24 horas antes de usá-los novamente. A alternância permite que os sapatos sejam arejados entre os usos;
  4. No banho, lave bem os pés. Após, seque bem, especialmente entre os dedos: microorganismos se acumulam mais facilmente nestas áreas;
  5. Evite calçar sapatos imediatamente após o banho, permitindo assim que seus pés sequem completamente, ou tente usar um secador de cabelo para ter certeza de que estão completamente secos antes de colocar as meias;
  6. Dê preferência às meias de algodão. Elas absorvem melhor o suor e deixam o pés respirarem;
  7. As unhas acumulam sujeiras com facilidade e, por isso, são pontos fortes de proliferação de microorganismos. O ideal é cortá-las, pelo menos, a cada 15 dias;
  8. Empurre as cutículas com uma espátula própria. O excesso de pele pode ser removido com o alicate, mas com cuidado para não correr o risco de ter uma inflamação. O ideal é deixar esta tarefa para um profissional de podologia. Na Fígaro Social Club, o público masculino encontra diversos profissionais qualificados na área, que realizam o serviço, por meio de produtos, instrumentos e técnicas específicas. Todo o material usado é esterilizado, prevenindo infecções e resultando em unhas e pés perfeitos;
  9. Os calos apresentam formas clínicas distintas e o tratamento depende de caso a caso. Na Fígaro, os homens que sofrem com o problema encontram o tratamento especializado que atua na remoção das calosidades e na suspensão do fator causador;
  10. Uma boa massagem relaxante nos pés também ajuda a aliviar a tensão e melhora a circulação amenizando as dores.

 

Fonte da matéria: O Povo – 20/01/2017